Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

My Books News

My Books News

Em parte incerta - Gillian Flynn

image.jpg


 


Páginas: 520


Requisitado na biblioteca municipal


Lido entre 16/07/2015 e 18/07/2015


 


Não costumo ir em ondas de mais vendidos até porque raramente reflectem os meus gostos pessoais, mas gosto de policiais e este estava no meu radar.


Encontrei-o num carrinho da biblioteca e não hesitei em pegar nele. 


 


Estou para aqui a ler contracapa do livro e vejo que a pessoa que fez a resenha, não pode ter lido o livro. Talvez só tenha visto o filme. "E quando Nick começa a ler o diário da mulher..." Isso não acontece excepto quase no final.


 


Nick e Amy estariam a celebrar 5 anos de casados no dia em que Amy desaparece em circunstâncias suspeitas: o ferro de engomar ligado, divisões a evidenciar uma luta.


Os capítulos do livro alternam entre os dias que se seguem ao desaparecimento de Amy (em que Nick passa a ser o suspeito do seu homicídio) e entradas do diário de Amy que recuam até ao dia em que se conheceram. É alternando entre ambos que vamos conhecendo ambas as personagens, seja pela sua voz, seja pela perspectiva do outro.


Nick tenta dar um sentido ao desaparecimento de Amy recorrendo ao seu presente de aniversário habitual: uma caça ao tesouro com pistas a levá-lo de local em local.


 


As voltas e reviravoltas da trama são tão convincentes como surpreendentes e é muito difícil parar de ler.


 


Uma das coisas que achei verdadeiramente inovadora foi precisamente este alternar entre duas vozes e ambas escritas na primeira pessoa. Não me recordo de ver isso antes. Mais, são raros os livros que leio, escritos na primeira pessoa. Gostei bastante. 


 


O que mais gostei foram as vozes são cínicas e irónicas (muito ao meu gosto) e a "perspicácia psicológica" da autora (termo que roubei da capa).