Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

My Books News

My Books News

Dia da Literatura Brasileira em 3 recomendações

O dia 1 de Maio não celebra apenas o dia do trabalhador, mas também da literatura brasileira.

Infelizmente, tenho de confessar que os meus conhecimentos de literatura brasileira são muito poucos e quase todos associados a grandes clássicos.

Ainda assim, não posso deixar de recomendar os meus preferidos (até à data).

 

1. Canal de YouTube

Claire Scorzi, mesmo que se tenha despedido do YouTube há pouco mais de um ano, continua a ser uma referência incontornável de booktubers brasileiras.

A série de vídeos Convite para Ler os Clássicos é absolutamente fantástica e a partir do vídeo  VII, há uma excelente série de referências à literatura brasileira.

2. Livro infanto-juvenil

O meu pé de laranja lima de José Mauro de Vasconcelos é absolutamente maravilhoso.

Escrito em 12 dias, é um romance infanto-juvenil autobiográfico do autor e, recentemente completou 50 anos da sua primeira publicação.

Zezé tem 5 anos e é uma criança tão precoce como pobre. Para sobreviver à dureza da sua condição e das agressões de que é alvo, vive num mundo imaginário em que tem por amigo um pé de laranja lima.

É um livro com uma carga emocional fortíssima. José Mauro de Vasconcelos atira-nos entre a avassaladora ternura, a crueza da violência e o demolidor sentimento de perda.  É impossível ficar indiferente e eu fiquei lavada em lágrimas.

Ainda não li a sequela - "Vamos aquecer o sol" - mas já fui avisada pela imsilva que deveria ter lenços à mão.

 

3. Livro impactante

 

Já li autores como Clarisse Lispector, Jorge Amado, Machado de Assis, Bernardo Guimarães, entre outros.

Todavia, nenhum autor ou obra de literatura brasileira me deixou tão impressionada como o pequeno grande livro O Quinze, de Rachel de Queiróz.

Há livros assim, que nos marcam para sempre, porque nos obrigam a ver o mundo com outros olhos. Isto é educação no verdadeiro sentido da palavra e a razão porque este livro deveria ser lido em todas as escolas e fazer parte de todas as bibliotecas.

 

O "quinze", do título, refere-se à seca de 1915 que assolou o Ceará brasileiro:

 

Foram quase três anos seguidos sem chuvas, com perda de plantações, mortes de rebanhos e miséria extrema. A situação foi tão desesperadora, que famílias inteiras se viram obrigadas a migrar para outros estados, promovendo uma onda de imigrações.

Fonte

A estes deslocados pela seca, foi dado o nome de retirantes e o flagelo foi tal que o governo brasileiro criou "campos de concentração" em que receberiam comida e cuidados primários. Porém a história diz-nos que estes campos tornaram-se simplesmente um local onde a fome, morte e a violência era protegida dos olhos dos mais afortunados.

É este o cenário de O quinze, de Rachel de Queiroz, publicado quando esta tinha apenas 20 anos de idade.

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

SCRIBD - 1 mês grátis para mim e 2 para vós

Se decidirem fazer uma inscrição grátis no SCRIBD, poderiam utilizar o meu convite? Eu receberei 1 mês grátis e a/o convidada/o receberá 2 meses grátis, em vez dos habituais 30 dias grátis.https://www.scribd.com/g/62ck8b