Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

My Books News

My Books News

Curtas literárias 01.12.2018

1.

Governo Sombra foi a feira literária de Guadalajara e Afonso Cruz foi o ministro do assalto à mão armada.

1.JPG

2.

Dasafios Literários

O fim do ano traz-me um enorme desafio literário pela mão do Clube dos Clássicos Vivos.Vou ler o Som e a Fúria, de William Faulkner, um livro que não consegui ler há 15 anos atrás. 

Mas não faltam outros desafios literários para terminarem o vosso ano literário em grande, por exemplo:

#christmasinthebooks2018

#NobelWoman: Dezembro é para Grazia Deledda (1926)

 

3.

Activismo literário

É fácil acabar nas lojas online que agregam todas as editoras. Eu também faço isso. Tenho de me lembrar que a melhor forma de ajudar as editoras (e o mundo dos livros) é comprar directamente os livros a quem os edita, cortando a margem da distribuição.

Por exemplo, Grazia Deledda está a ser publicada pela Sibila Publicações, uma nova editora portuguesa dedicada a autoras.

 

4.

1.JPG 2.JPG

1.JPG

 

Porque quero "limpar" a estante, as minhas prioridades são:

Terminar Ficções de Jorge Luis Borges. Era o meu "livro de carteira", mas acabou encostado, nem sei porquê.

Terminar The Bullet Journal Method de Ryder Carroll, que eu queria tanto gostar, mas que está a ser uma desilusão. Foi um livro de acesso gratuito no NetGalley, pelo que quero terminar rapidamente e publicar a opinião, a que me comprometi.

Terminar Ainda aqui estou de Patrícia Carvalho, o capítulo dos bombeiros foi arrasador. É preciso ter uma carapaça grossa para ler sem chorar continuamente. É uma leitura difícil, mas considero que é uma questão de cidadania ler, compreender e nunca esquecer.

Ler O Declínio do Império Whiting de Richard Russo, um livro emprestado que tenho há demasiado tempo e que faz parte do desafio Rory Gilmore.

Ler O Som e a Fúria de William Faulkner com o Clube dos Clássicos Vivos.

Pelo meio, o que apetecer :)